Ensaio introdutório sobre as concepções de história em Marx e Nietzsche

José Nicolao Julião

Resumo


Trata-se de um ensaio introdutório comparativo entre Marx e Nietzsche. O ponto central da nossa reflexão é a concepção que ambos têm de história, levando em conta as noções de materialismo histórico e luta de classes em Marx e as de ahistórico e história criativa em Nietzsche.




Palavras-chave


História; luta de classes; materialismo histórico; ahistórico; história criativa.

Texto completo:

PDF

Referências


Brobjer, T. Nietzsche’s Knowledge of Marx and Marxism. In: Nietzsche-Studien, Berlim, n. 31, 2002.

_________. “Nietzsche’s View of the Value of Historical Studies and Methods.” In: Journal of the History of Ideas, 65 (2), 2004.

Heit, H. Verdade é práxis: Nietzsche e Marx. Cadernos Nietzsche, Guarulhos/Porto Seguro, v.39, n.3, p.141-174, setembro/dezembro, 2018.

Karl Obermann. Joseph Weydemeyer: Pioneer of American Socialism, 1947.

Marx, K. “O 18 Brumário de Luís Bonaparte”. In: A revolução antes da revolução. São Paulo: Expressão Popular, 2008.

Ringer, F. O Declínio dos Mandarins Alemães: a comunidade acadêmica, 1890-1933. Trad. Port. São Paulo: EDUSP, 2000.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 José Nicolao Julião